Project Description

O mundo parece girar em câmera lenta quando um pudim é desenformado. O escorrer da calda pela massa de só não hipnotiza mais do que o primeiro corte. O suave encostar da faca, que rompe a superfície do pudim – levemente mais grossa do que o interior da massa por ter sido a que ficou em maior contato com o calor –, e o revelar vagaroso da cremosidade e da textura de um dos doces mais amados entre os doceiros é de fazer parar até as discussões mais calorosas só para apreciar o espetáculo. Não à toa, é o pudim o responsável por uma verdadeira viagem emocional no tempo, diretamente às memórias de infância, nas quais primos brigavam pela maior fatia do doce (feito na noite anterior pela avó) ou em que irmãos disputavam às colheradas quem acabaria com a sobremesa favorita feita pela mão materna.

Morbi vitae purus dictum, ultrices tellus in, gravida lectus.

PROCEDIMENTOS

Leve a água para ferver, adicione sal (recomendamos adicionar 10g de sal para cada litro de água) e adicione o Tagliolini. O Tagliolini é cozido por cerca de 2 minutos. Em uma panela, adicione o caldo, o molho de trufas, a manteiga e aqueça sem evaporar o caldo. Quando os tagliolini estiverem cozidos, despeje-os na panela com a mistura e refogue-os.

Retire do fogo e junte o Parmigiano Reggiano.

INGREDIENTES
  • 250g de Tagliolini com trufa preta
  • 120g de manteiga
  • 90g de molho de trufas negras
  • Caldo de carne a gosto
  • Queijo parmesão a gosto

Subscreva-se & Receba Nossas Atualizações

Receba as melhores receitas da culinária italiana.

Nós não enviamos spam. Você poderá remover a subscrição a qualquer momento.